#NOVASAFRA

#DESBRAVADORES 

#REPLAY #FULLALBUM

  • revistaamplificamais

O DESAGUAR DE 'APOCALICES', SINGLE DE ESTREIA DO D'ÁGUA NEGRA CHEGA COMO CLIPE!


Fugindo da obviedade, D’Água Negra é um produto amazonense, indubitavelmente, mas sem nenhum compromisso com o regional clichê. O grupo é composto por Clariana Brandão Arruda, Bruno Barrozo Belchior e Melka, compositora da faixa, que foi produzida durante o período de isolamento social. A produção é assinada pelo também manauara Erick Omena (Luneta Mágica) e Clariana Arruda em parceria com o selo Amplifica Records.


Isolados, cada um em seu universo particular, o trio observou, estampando as páginas de jornais mundo afora, as imagens que vinham do seu quintal. Covas e mais covas abertas, corpos em excesso, escassez de oxigênio, morte. Manaus era o caos. Lembrando uma pintura de Bosch, as cenas estarrecedoras eram a perfeita ilustração do apocalipse.

Assim nasceu a primeira criação do grupo já com a nova formação – a letra de Melka acabou sendo absorvida pelos demais integrantes que trouxeram para a faixa sua própria leitura do apocalipse. “Num momento de esvaziamento dos hábitos cotidianos causados pelo isolamento, ‘Acopalices’ é uma implosão interna que vira arte, onde conseguimos encontrar uma brecha para gritar nosso posicionamento ao mundo”, explica Bruno.


A faixa entrega a sensualidade do trio a partir dos vocais, perfeitamente sintonizados, que acompanham uma melodia sofisticada, se alternando entre neo soul e nu jazz, resultando numa experiência sonora puramente sensorial. Tudo isso contradizendo e criando um perfeito paradoxo com o título “Acopalices”, referência a um meme que viralizou no Brasil durante a pandemia.


A partir do single nasceu o clipe, que consegue retratar o envolvimento do trio e da atmosfera sonora proposta pela banda, e você consegue conferir aqui!



1 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo